Manutenção, Mecânica & ElétricaMotores 2.0/2.2/2.4 - 8V e 16V
Troca de informações relacionadas a manutenção, mecânica e parte elétrica do seu carro.

Utilizar os sub fóruns para postagens.

61 mensagens
Marcello Ricardy
GL Member
GL Member
Mensagens: 90
Registrado em: 15 Fev 2014, 23:00
Nome Completo: Marcello Ricardy Kachutski
Cidade: PONTA GROSSA
Estado: Paraná
Veículo: Não Disponível - informe a Equipe CDV
Fabricação/Modelo: 2009/2009

Motores 2.0/2.2/2.4 - 8V e 16V

por Marcello Ricardy » 25 Mar 2014, 14:05

Dai colegas, novamente eu aqui com minhas duvidas, pessoal do clube daqui a pouco se estressa com a minha curiosidade no carro. :11: . Referentes aos motores que temos 2.0/2.2/2.4 com 8v e 16v qual a diferença entre eles? os pontos fortes e fracos deles? Qual o melhor em desempenho no dia a dia? Em caso de ter que fazer o motor, o mais viável? Obrigado galera...
Editado pela última vez por Marcello Ricardy em 07 Fev 2015, 15:11, em um total de 1 vez.
Marcello Ricardy
"Simplesmente VECTRA"

Avatar do usuário
melk
GL Member
GL Member
Mensagens: 83
Registrado em: 13 Dez 2013, 09:05
Nome Completo: melkzedek dias de farias
Cidade: Indaial
Estado: Santa Catarina
Veículo: Vectra GLS/Expres.2.2/ 2.0 e 2.0 CD 8V
Fabricação/Modelo: 1996/1997

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por melk » 26 Mar 2014, 13:58

Cada motor tem seu ponto forte quanto maior o motor mais torque ele vai ter ou seja mais força em baixa rotação os motores 16v tem a mesma força em baixa rotação que os 8v e uma potência bem maior em alto giro. Mas como o câmbio dos 16v e mais longo ele e mais indicado para a estrada o 8v por causa do câmbio e mais adequado ao uso urbano logo aparece mais gente com mais informações Abraço.

Marcello Ricardy
GL Member
GL Member
Mensagens: 90
Registrado em: 15 Fev 2014, 23:00
Nome Completo: Marcello Ricardy Kachutski
Cidade: PONTA GROSSA
Estado: Paraná
Veículo: Não Disponível - informe a Equipe CDV
Fabricação/Modelo: 2009/2009

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por Marcello Ricardy » 26 Mar 2014, 14:57

melk escreveu:Cada motor tem seu ponto forte quanto maior o motor mais torque ele vai ter ou seja mais força em baixa rotação os motores 16v tem a mesma força em baixa rotação que os 8v e uma potência bem maior em alto giro. Mas como o câmbio dos 16v e mais longo ele e mais indicado para a estrada o 8v por causa do câmbio e mais adequado ao uso urbano logo aparece mais gente com mais informações Abraço.


Obrigado Melk... Espero poder aprender bastante aqui no clube... :11:
Marcello Ricardy
"Simplesmente VECTRA"

Avatar do usuário
Arquiteto
Administrador
Administrador
Mensagens: 10434
Registrado em: 05 Abr 2013, 21:59
Nome Completo: leonardo marcelo goulart de castro
Cidade: nova serrana
Estado: Minas Gerais
Veículo: Vectra CD 2.2 16V Aut.
Fabricação/Modelo: 1998/1999

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por Arquiteto » 26 Mar 2014, 17:50

completando a pergunta ...

fazer um motor 8v fica mais em conta que 16v ok
Garagem:CD 03,Challenge02, Elite11"face lift", Tops full
http://clubedovectra.com.br/forum/viewtopic.php?t=20
HOW TO :
viewtopic.php?f=49&t=555
NACIONAL 2017 IMPERDIVEL!!
viewtopic.php?f=82&t=15651

rgapski
Moderador Sênior
Moderador Sênior
Mensagens: 1698
Registrado em: 10 Abr 2013, 16:01
Nome Completo: Raphael Pedreira Gapski
Cidade: Mauá
Estado: São Paulo
Veículo: Vectra Challenge 2.2 MPFI 16V
Fabricação/Modelo: 1997/1998

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por rgapski » 26 Mar 2014, 18:15

Arquiteto escreveu:completando a pergunta ...

fazer um motor 8v fica mais em conta que 16v ok


#fato.

A retifica de um cabeçote 8v custa praticamente a metade de um 16v.
Fora que a manutenção de correia dentada também.

Mesmo assim, gosto mais dos 16v... :6:

Abs!
Raphael - Mauá-SP - Desvectrado.


Garagens:
11' Fiat Punto Essence 1.6 16v
http://clubedovectra.com.br/forum/viewtopic.php?f=71&t=8905
01' Chevrolet Vectra Challenge.
http://clubedovectra.com.br/forum/viewtopic.php?f=70&t=184
Imagem

Marcello Ricardy
GL Member
GL Member
Mensagens: 90
Registrado em: 15 Fev 2014, 23:00
Nome Completo: Marcello Ricardy Kachutski
Cidade: PONTA GROSSA
Estado: Paraná
Veículo: Não Disponível - informe a Equipe CDV
Fabricação/Modelo: 2009/2009

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por Marcello Ricardy » 27 Mar 2014, 14:55

rgapski escreveu:
Arquiteto escreveu:completando a pergunta ...

fazer um motor 8v fica mais em conta que 16v ok


#fato.

A retifica de um cabeçote 8v custa praticamente a metade de um 16v.
Fora que a manutenção de correia dentada também.

Mesmo assim, gosto mais dos 16v... :6:

Abs!


RGAPSKI, vi um comentário seu em outro post, sobre uma retifica de um Vectra 2.2 16v, você fez um comentário mais ou menos assim "Porque não abre pra chegar no 2.4", desculpe minha falta de experiência, mais tem como fazer um 2.2 virar um 2.4, esse alargamento faz a cilindrada da câmera de combustão chegar a 2.400 cm³??? :47:
Marcello Ricardy
"Simplesmente VECTRA"

Marcello Ricardy
GL Member
GL Member
Mensagens: 90
Registrado em: 15 Fev 2014, 23:00
Nome Completo: Marcello Ricardy Kachutski
Cidade: PONTA GROSSA
Estado: Paraná
Veículo: Não Disponível - informe a Equipe CDV
Fabricação/Modelo: 2009/2009

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por Marcello Ricardy » 27 Mar 2014, 14:59

Arquiteto escreveu:completando a pergunta ...

fazer um motor 8v fica mais em conta que 16v ok


Meu sogro tem um GLS 97 2.0 8V tava com 297 mil KM se não me engano tudo, era todo STANDARD original nunca aberto, foi pra retifica encamisou o bloco e colocou tudo STANDARD de volta foi 5 mil dilmas.
Marcello Ricardy
"Simplesmente VECTRA"

rgapski
Moderador Sênior
Moderador Sênior
Mensagens: 1698
Registrado em: 10 Abr 2013, 16:01
Nome Completo: Raphael Pedreira Gapski
Cidade: Mauá
Estado: São Paulo
Veículo: Vectra Challenge 2.2 MPFI 16V
Fabricação/Modelo: 1997/1998

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por rgapski » 27 Mar 2014, 15:06

Marcello Ricardy escreveu:
RGAPSKI, vi um comentário seu em outro post, sobre uma retifica de um Vectra 2.2 16v, você fez um comentário mais ou menos assim "Porque não abre pra chegar no 2.4", desculpe minha falta de experiência, mais tem como fazer um 2.2 virar um 2.4, esse alargamento faz a cilindrada da câmera de combustão chegar a 2.400 cm³??? :47:


Marcelo,

Sim, é possível "abrir" para 2.4.
Se não me engano, basta trocar somente o virabrequim/bielas (é um dos dois, só não me recordo qual) e os pistões.
E mais o trabalho da retifica em abrir o cilindro e fazer o brunimento.
Nada que uma boa retífica não faça...

Pelo que me lembro, o que fica difícil é fazer o 2.0 virar 2.4, pois tem diferença na altura do bloco do motor.
Tive um kadett 2.0 que passei para 2.2, mas usei o motor inteiro do vectra, pois o meu preparador na epoca tinha me dito que o 2.0 não dava pra aumentar por causa do bloco...

Abs!
Raphael - Mauá-SP - Desvectrado.


Garagens:
11' Fiat Punto Essence 1.6 16v
http://clubedovectra.com.br/forum/viewtopic.php?f=71&t=8905
01' Chevrolet Vectra Challenge.
http://clubedovectra.com.br/forum/viewtopic.php?f=70&t=184
Imagem

Marcello Ricardy
GL Member
GL Member
Mensagens: 90
Registrado em: 15 Fev 2014, 23:00
Nome Completo: Marcello Ricardy Kachutski
Cidade: PONTA GROSSA
Estado: Paraná
Veículo: Não Disponível - informe a Equipe CDV
Fabricação/Modelo: 2009/2009

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por Marcello Ricardy » 27 Mar 2014, 15:39

rgapski escreveu:
Marcello Ricardy escreveu:
RGAPSKI, vi um comentário seu em outro post, sobre uma retifica de um Vectra 2.2 16v, você fez um comentário mais ou menos assim "Porque não abre pra chegar no 2.4", desculpe minha falta de experiência, mais tem como fazer um 2.2 virar um 2.4, esse alargamento faz a cilindrada da câmera de combustão chegar a 2.400 cm³??? :47:


Marcelo,

Sim, é possível "abrir" para 2.4.
Se não me engano, basta trocar somente o virabrequim/bielas (é um dos dois, só não me recordo qual) e os pistões.
E mais o trabalho da retifica em abrir o cilindro e fazer o brunimento.
Nada que uma boa retífica não faça...

Pelo que me lembro, o que fica difícil é fazer o 2.0 virar 2.4, pois tem diferença na altura do bloco do motor.
Tive um kadett 2.0 que passei para 2.2, mas usei o motor inteiro do vectra, pois o meu preparador na epoca tinha me dito que o 2.0 não dava pra aumentar por causa do bloco...

Abs!


Deixa ver se eu entendi o 2.2 e o 2.4 e o mesmo motor "basicamente" só muda a espessura das câmeras de combustão.....hummmmmmm...... :47: Bom saber.....Aumentaria a potencia do motor dai?
Marcello Ricardy
"Simplesmente VECTRA"

Avatar do usuário
Alcir Andreoni
CHALLENGE Member
CHALLENGE Member
Mensagens: 7044
Registrado em: 14 Mai 2013, 11:29
Nome Completo: Alcir José Secco Andreoni
Cidade: São Paulo
Estado: São Paulo
Veículo: Não Disponível - informe a Equipe CDV
Fabricação/Modelo: 2009/2009

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por Alcir Andreoni » 27 Mar 2014, 15:44

Marcello Ricardy escreveu:Deixa ver se eu entendi o 2.2 e o 2.4 e o mesmo motor "basicamente" só muda a espessura das câmeras de combustão.....hummmmmmm...... :47: Bom saber.....Aumentaria a potencia do motor dai?

Curiosidade!!!

2.2 16V para 2.4 16V acho que dá sim, mas 2.2 8V para 2.4 8V dá?
Imagem

Imagem

Isso deixa marcas profundas!

rgapski
Moderador Sênior
Moderador Sênior
Mensagens: 1698
Registrado em: 10 Abr 2013, 16:01
Nome Completo: Raphael Pedreira Gapski
Cidade: Mauá
Estado: São Paulo
Veículo: Vectra Challenge 2.2 MPFI 16V
Fabricação/Modelo: 1997/1998

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por rgapski » 27 Mar 2014, 15:52

Marcello Ricardy escreveu:Deixa ver se eu entendi o 2.2 e o 2.4 e o mesmo motor "basicamente" só muda a espessura das câmeras de combustão.....hummmmmmm...... :47: Bom saber.....Aumentaria a potencia do motor dai?


Marcelo,

Tentador, não! rsrsrs
O motor é isso mesmo, sendo basicamente o mesmo, mudando apenas algumas coisas.

A potencia aumenta sim, afinal, com maior cilindrada, temos mais ar e combustível entrando...
Só que somente a ampliação da cilindrada não quer dizer muita coisa em termos de potencia.
Vai ter ganho, vai, mas pra chegar nos 150cv do vectra C, algumas cosas precisam ser revistas.

Para concluir, deve-se providenciar um remapeamento do chip, pois o carro terá um fluxo de ar diferente e a injeção deve acompanhar.
Embora alguns digam que a sonda corrige, acho uma diferença muito brusca para ficar somente na correção da sonda.

Abs!
Raphael - Mauá-SP - Desvectrado.


Garagens:
11' Fiat Punto Essence 1.6 16v
http://clubedovectra.com.br/forum/viewtopic.php?f=71&t=8905
01' Chevrolet Vectra Challenge.
http://clubedovectra.com.br/forum/viewtopic.php?f=70&t=184
Imagem

Avatar do usuário
Thiago Menezes
CHALLENGE Member
CHALLENGE Member
Mensagens: 10634
Registrado em: 18 Out 2013, 10:12
Nome Completo: Thiago Menezes da Silva
Cidade: Volta Redonda
Estado: Rio de Janeiro
Veículo: Vectra Elite 2.4 MPFI 16V FlexPower Aut.
Fabricação/Modelo: 2002/2003

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por Thiago Menezes » 27 Mar 2014, 16:15

Mas não seria um investimento alta para aumentar apenas alguns cavalos de potência e torque? :47:

Tudo bem que se a pessoa já tiver que mexer no motor mesmo (retifica) vai gastar um pouco mais do que comprando as peças originais com relação as do motor 2.4 16v, porém se não tiver a necessidade de mexer no motor abrir só para fazer tal mudança não seria besteira? Não seria melhor partir para um kit turbo? :47:
Imagem
VECTRA ELITE 2.4 16V AUT. 150 CV (KIT GNV INJETADO)

Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100003662776216

Garagem: viewtopic.php?f=70&t=2746

Imagem

rgapski
Moderador Sênior
Moderador Sênior
Mensagens: 1698
Registrado em: 10 Abr 2013, 16:01
Nome Completo: Raphael Pedreira Gapski
Cidade: Mauá
Estado: São Paulo
Veículo: Vectra Challenge 2.2 MPFI 16V
Fabricação/Modelo: 1997/1998

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por rgapski » 27 Mar 2014, 16:42

thiago.onacto escreveu:Mas não seria um investimento alta para aumentar apenas alguns cavalos de potência e torque? :47:

Tudo bem que se a pessoa já tiver que mexer no motor mesmo (retifica) vai gastar um pouco mais do que comprando as peças originais com relação as do motor 2.4 16v, porém se não tiver a necessidade de mexer no motor abrir só para fazer tal mudança não seria besteira? Não seria melhor partir para um kit turbo? :47:


Thiago,

Se o motor tiver bom e a pessoa resolver abrir pra 2.4 com intuito somente de ganhar potencia, é mal negócio, pois vai gastar muito $$ pra pouco HP...

Contudo, se o motor estiver precisando de retífica, a coisa pode valer à pena.
Normalmente, quando se abre o motor para retificar, precisa fazer algo no virabrequim, precisa dar um passe no cilindro para acomodar o pistão com sobremedida, pode haver desgaste ou empenamento de biela, embora seja raro, entre outras intervenções, como troca de bomba de óleo, etc...
Então, como já tem que trocar algumas coisas, dá pra fazer uma forcinha e já montar com peças do 2.4.
Mas isso depende do orçamento. Senão, monta no 2.2 mesmo.

Sair do 2.2 pro 2.4 não deve dar mais de 10cv e 2kg de torque.
Pode parecer pouco, mas ao meu ver, isso já é suficiente para melhorar bastante a dirigibilidade do carro, principalmente na cidade, pois o cambio manual longo não ajuda em nada nessa situação, e um pouquinho de torque a mais seria muito bem vindo.

Eu pretendo passar o meu para 2.4 e na sequencia instalar um kit turbo.
Pra mim, a vantagem do motor 2.4, vem na possibilidade de usar uma turbina um pouco maior, jogando a pegada dela um pouco mais pro alto, de maneira a não despejar tanto torque de uma vez no cambio, pois o meu é um F18, que como alguns sabem, não é muito fã de torque alto... rs

Eu pretendo melhorar o fôlego do carro para umas ultrapassagens mais vigorosas, nada demais.
Com 0,5kg e uma turbina bem dimensionada (para dar bom fluxo em alta), devo atingir facil uns 230cv com uns 30kg de torque, o que é mais que suficiente pra chamar meu carro de "challenge", e não viver com ele parado na oficina.

Abs!
Raphael - Mauá-SP - Desvectrado.


Garagens:
11' Fiat Punto Essence 1.6 16v
http://clubedovectra.com.br/forum/viewtopic.php?f=71&t=8905
01' Chevrolet Vectra Challenge.
http://clubedovectra.com.br/forum/viewtopic.php?f=70&t=184
Imagem

Avatar do usuário
melk
GL Member
GL Member
Mensagens: 83
Registrado em: 13 Dez 2013, 09:05
Nome Completo: melkzedek dias de farias
Cidade: Indaial
Estado: Santa Catarina
Veículo: Vectra GLS/Expres.2.2/ 2.0 e 2.0 CD 8V
Fabricação/Modelo: 1996/1997

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por melk » 27 Mar 2014, 17:18

Consegue mais potência que isso com 0.5 lembro no outro forum o gusporti de caxias do sul tiro 240 cv e 24 de torque de um 2.2 16v aspirado.

Avatar do usuário
Thiago Menezes
CHALLENGE Member
CHALLENGE Member
Mensagens: 10634
Registrado em: 18 Out 2013, 10:12
Nome Completo: Thiago Menezes da Silva
Cidade: Volta Redonda
Estado: Rio de Janeiro
Veículo: Vectra Elite 2.4 MPFI 16V FlexPower Aut.
Fabricação/Modelo: 2002/2003

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por Thiago Menezes » 27 Mar 2014, 17:32

rgapski escreveu:
thiago.onacto escreveu:Mas não seria um investimento alta para aumentar apenas alguns cavalos de potência e torque? :47:

Tudo bem que se a pessoa já tiver que mexer no motor mesmo (retifica) vai gastar um pouco mais do que comprando as peças originais com relação as do motor 2.4 16v, porém se não tiver a necessidade de mexer no motor abrir só para fazer tal mudança não seria besteira? Não seria melhor partir para um kit turbo? :47:


Thiago,

Se o motor tiver bom e a pessoa resolver abrir pra 2.4 com intuito somente de ganhar potencia, é mal negócio, pois vai gastar muito $$ pra pouco HP...

Contudo, se o motor estiver precisando de retífica, a coisa pode valer à pena.
Normalmente, quando se abre o motor para retificar, precisa fazer algo no virabrequim, precisa dar um passe no cilindro para acomodar o pistão com sobremedida, pode haver desgaste ou empenamento de biela, embora seja raro, entre outras intervenções, como troca de bomba de óleo, etc...
Então, como já tem que trocar algumas coisas, dá pra fazer uma forcinha e já montar com peças do 2.4.
Mas isso depende do orçamento. Senão, monta no 2.2 mesmo.

Sair do 2.2 pro 2.4 não deve dar mais de 10cv e 2kg de torque.
Pode parecer pouco, mas ao meu ver, isso já é suficiente para melhorar bastante a dirigibilidade do carro, principalmente na cidade, pois o cambio manual longo não ajuda em nada nessa situação, e um pouquinho de torque a mais seria muito bem vindo.

Eu pretendo passar o meu para 2.4 e na sequencia instalar um kit turbo.
Pra mim, a vantagem do motor 2.4, vem na possibilidade de usar uma turbina um pouco maior, jogando a pegada dela um pouco mais pro alto, de maneira a não despejar tanto torque de uma vez no cambio, pois o meu é um F18, que como alguns sabem, não é muito fã de torque alto... rs

Eu pretendo melhorar o fôlego do carro para umas ultrapassagens mais vigorosas, nada demais.
Com 0,5kg e uma turbina bem dimensionada (para dar bom fluxo em alta), devo atingir facil uns 230cv com uns 30kg de torque, o que é mais que suficiente pra chamar meu carro de "challenge", e não viver com ele parado na oficina.

Abs!


Perfeito doudor :88:

Quero ver essa modificação no seu Challenge :52:
Imagem
VECTRA ELITE 2.4 16V AUT. 150 CV (KIT GNV INJETADO)

Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100003662776216

Garagem: viewtopic.php?f=70&t=2746

Imagem

Marcello Ricardy
GL Member
GL Member
Mensagens: 90
Registrado em: 15 Fev 2014, 23:00
Nome Completo: Marcello Ricardy Kachutski
Cidade: PONTA GROSSA
Estado: Paraná
Veículo: Não Disponível - informe a Equipe CDV
Fabricação/Modelo: 2009/2009

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por Marcello Ricardy » 27 Mar 2014, 17:39

rgapski escreveu:
Marcello Ricardy escreveu:Deixa ver se eu entendi o 2.2 e o 2.4 e o mesmo motor "basicamente" só muda a espessura das câmeras de combustão.....hummmmmmm...... :47: Bom saber.....Aumentaria a potencia do motor dai?


Marcelo,

Tentador, não! rsrsrs
O motor é isso mesmo, sendo basicamente o mesmo, mudando apenas algumas coisas.

A potencia aumenta sim, afinal, com maior cilindrada, temos mais ar e combustível entrando...
Só que somente a ampliação da cilindrada não quer dizer muita coisa em termos de potencia.
Vai ter ganho, vai, mas pra chegar nos 150cv do vectra C, algumas cosas precisam ser revistas.

Para concluir, deve-se providenciar um remapeamento do chip, pois o carro terá um fluxo de ar diferente e a injeção deve acompanhar.
Embora alguns digam que a sonda corrige, acho uma diferença muito brusca para ficar somente na correção da sonda.

Abs!


RGAPSKI conhecido como DOUTOR VECTRA.....KKKK.... Sabe muito hein... Que tentador isso....pego o meu primeiro VEÇÃO agora no fim do mês, espero não precisar mexer no motor dele por enquanto muito menos na caixa (automática), mais quando precisar, acho que vai virar um 2.4 :11: Mais ainda não me conformo por não ter V6 no VECTRA nacional.....kkkk...
Marcello Ricardy
"Simplesmente VECTRA"

rgapski
Moderador Sênior
Moderador Sênior
Mensagens: 1698
Registrado em: 10 Abr 2013, 16:01
Nome Completo: Raphael Pedreira Gapski
Cidade: Mauá
Estado: São Paulo
Veículo: Vectra Challenge 2.2 MPFI 16V
Fabricação/Modelo: 1997/1998

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por rgapski » 27 Mar 2014, 17:53

melk escreveu:Consegue mais potência que isso com 0.5 lembro no outro forum o gusporti de caxias do sul tiro 240 cv e 24 de torque de um 2.2 16v aspirado.


Melk,

Talvez dê até pra tirar mais cavalos do celeiro... Mas ai começa afetar a dirigibilidade e o consumo...

Eu tive um Kadett 2.2 8v com preparação aspro que devia dar mais de 180cv fácil. O carro era um canhão pra andar!
Só que a dirigibilidade do carro era terrível. O motor só "limpava" acima dos 3.800 rpm.
Tanto que eu nem usava mais o carro no dia-a-dia por causa disso. Ele simplesmente não tinha agilidade. Muitas vezes precisava enfiar uma primeira e dar uma esticada pro carro manter o ritmo.
O consumo era uma tragédia... Acelerando ou não, era sempre 4 km/l no álcool... rs
Eu curti na época, mas hoje não montaria outro aspro, ainda mais num sedã pesado como o vectra.

Não estou preocupado com quantos cavalos ficará ao final, mas sim quanto terei de torque e quando ele aparecerá...
Queria algo por volta de uns 30~35kg de torque @ 3.000 rpm, o que deve trazer uns 230cv, podendo variar pra mais ou pra menos, conforme o fluxo da turbina permitir, até porque não pretendo passar de 6.000 rpm e não vou por intercooler.

Abs!
Raphael - Mauá-SP - Desvectrado.


Garagens:
11' Fiat Punto Essence 1.6 16v
http://clubedovectra.com.br/forum/viewtopic.php?f=71&t=8905
01' Chevrolet Vectra Challenge.
http://clubedovectra.com.br/forum/viewtopic.php?f=70&t=184
Imagem

Avatar do usuário
Alcir Andreoni
CHALLENGE Member
CHALLENGE Member
Mensagens: 7044
Registrado em: 14 Mai 2013, 11:29
Nome Completo: Alcir José Secco Andreoni
Cidade: São Paulo
Estado: São Paulo
Veículo: Não Disponível - informe a Equipe CDV
Fabricação/Modelo: 2009/2009

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por Alcir Andreoni » 22 Mai 2014, 13:28

Vamos reavivar o tópico!

Agora com motor 1.8L de 108cv's e 17,1kg de torque.

Vale a pena remapear, ganhando 12cv's e 1kg de torque?
Imagem

Imagem

Isso deixa marcas profundas!

rgapski
Moderador Sênior
Moderador Sênior
Mensagens: 1698
Registrado em: 10 Abr 2013, 16:01
Nome Completo: Raphael Pedreira Gapski
Cidade: Mauá
Estado: São Paulo
Veículo: Vectra Challenge 2.2 MPFI 16V
Fabricação/Modelo: 1997/1998

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por rgapski » 22 Mai 2014, 13:54

Alcir Andreoni escreveu:Vamos reavivar o tópico!

Agora com motor 1.8L de 108cv's e 17,1kg de torque.

Vale a pena remapear, ganhando 12cv's e 1kg de torque?


Alcir,

Minha opinião sobre remapeamento é a seguinte: deve ser feito utilizando um dinamômetro sempre.
É chip pronto? Melhor deixar original.

Esse lance de "ahh, vai ganhar X cavalos e X de torque", é puro marketing.
Não há nada mais diferente que dois motores iguais!

Cada motor tem suas peculiaridades, posto que estas diferenças são advindas de sua fabricação, o que é normalmente chamado de "margem de tolerância".
Assim, as folgas internas são diferentes, o fluxo de ar também será, compressão, etc.
E são essas características que devem ser exploradas ao criar um novo chip. No dinamômetro da pra corrigir onde precisa e melhorar até onde é possível.

Outra coisa que ninguém se atenta é: dirigibilidade.
Não adianta teu carro ganhar 20cv se eles só vierem lá depois das 5mil rpm e acabarem matando o torque e potencia que anteriormente estavam disponíveis em baixa rpm.

As fabricas, quando criam um mapa de injeção, levam em consideração algumas margens de segurança, de modo que sirva pra todo e qualquer motor, independente da folga que eles tiverem.
Trocando em miúdos, não colocam o máximo de ponto permitido, deixam uma margem para mistura um pouco mais rica, etc.

Lembro ainda que o carro tem funcionamento variável de acordo com a temperatura do motor...
Não é à toa que as montadoras rodam milhares de quilometro para criarem mapas que se adequem a praticamente todas as situações...
Mesmo fazendo no dinamômetro, pode-se pecar em algum sentido, causando pequenas falhas em alguma situação não simulada.

Se não houver alterações significativas no motor, como aumento de taxa, cilindrada, troca de comandos, escape, coletores de admissão, ou coisas que alterem radicalmente o fluxo de admissão de mistura, acho totalmente inviável gastar com chip.

Agora se você me perguntar: "Vou passar meu motor 1.8 pra 2.0. Vale a pena fazer um chip?"
A resposta é: deve sim ser feito um novo chip.
Afinal, o motor estará pronto a admitir mais quantidade de ar/gasolina e talvez em rotações diferentes do projeto original.

Substituir o chip original, num motor original, por outro chip "mexido", é mesma coisa que só trocar gicleur de carburador: só vai gastar mais.

Abs!
Raphael - Mauá-SP - Desvectrado.


Garagens:
11' Fiat Punto Essence 1.6 16v
http://clubedovectra.com.br/forum/viewtopic.php?f=71&t=8905
01' Chevrolet Vectra Challenge.
http://clubedovectra.com.br/forum/viewtopic.php?f=70&t=184
Imagem

Avatar do usuário
Alcir Andreoni
CHALLENGE Member
CHALLENGE Member
Mensagens: 7044
Registrado em: 14 Mai 2013, 11:29
Nome Completo: Alcir José Secco Andreoni
Cidade: São Paulo
Estado: São Paulo
Veículo: Não Disponível - informe a Equipe CDV
Fabricação/Modelo: 2009/2009

Re: MOTRES 2.0/2.2/2.4 - 8V E 16V

por Alcir Andreoni » 22 Mai 2014, 14:02

rgapski escreveu:
Alcir Andreoni escreveu:Vamos reavivar o tópico!

Agora com motor 1.8L de 108cv's e 17,1kg de torque.

Vale a pena remapear, ganhando 12cv's e 1kg de torque?


Alcir,

Minha opinião sobre remapeamento é a seguinte: deve ser feito utilizando um dinamômetro sempre.
É chip pronto? Melhor deixar original.

Esse lance de "ahh, vai ganhar X cavalos e X de torque", é puro marketing.
Não há nada mais diferente que dois motores iguais!

Cada motor tem suas peculiaridades, posto que estas diferenças são advindas de sua fabricação, o que é normalmente chamado de "margem de tolerância".
Assim, as folgas internas são diferentes, o fluxo de ar também será, compressão, etc.
E são essas características que devem ser exploradas ao criar um novo chip. No dinamômetro da pra corrigir onde precisa e melhorar até onde é possível.

Outra coisa que ninguém se atenta é: dirigibilidade.
Não adianta teu carro ganhar 20cv se eles só vierem lá depois das 5mil rpm e acabarem matando o torque e potencia que anteriormente estavam disponíveis em baixa rpm.

As fabricas, quando criam um mapa de injeção, levam em consideração algumas margens de segurança, de modo que sirva pra todo e qualquer motor, independente da folga que eles tiverem.
Trocando em miúdos, não colocam o máximo de ponto permitido, deixam uma margem para mistura um pouco mais rica, etc.

Lembro ainda que o carro tem funcionamento variável de acordo com a temperatura do motor...
Não é à toa que as montadoras rodam milhares de quilometro para criarem mapas que se adequem a praticamente todas as situações...
Mesmo fazendo no dinamômetro, pode-se pecar em algum sentido, causando pequenas falhas em alguma situação não simulada.

Se não houver alterações significativas no motor, como aumento de taxa, cilindrada, troca de comandos, escape, coletores de admissão, ou coisas que alterem radicalmente o fluxo de admissão de mistura, acho totalmente inviável gastar com chip.

Agora se você me perguntar: "Vou passar meu motor 1.8 pra 2.0. Vale a pena fazer um chip?"
A resposta é: deve sim ser feito um novo chip.
Afinal, o motor estará pronto a admitir mais quantidade de ar/gasolina e talvez em rotações diferentes do projeto original.

Substituir o chip original, num motor original, por outro chip "mexido", é mesma coisa que só trocar gicleur de carburador: só vai gastar mais.

Abs!

Você acabou de estourar minha bola! :62:

Estive pesquisando alguns casos em que eles fazem o remap no chip original, somente reprogramação.

Não tinha pensando que poderia mexer na curva de torque e o torque, que passaria para 18,1kg vir mais tarde!

Valeu pela aula. :88:
Imagem

Imagem

Isso deixa marcas profundas!

61 mensagens

Quem está online

Usuários navegando neste fórum: micheloz e 30 visitantes

Regras do fórum

Regras do fórum
ATENÇÃO:
Lembre-se de utilizar as Tag's [VECTRA A], [VECTRA B] ou [VECTRA C] para criar seu tópico de dúvida.